Fábrica de Sonhos

Irmãos Génios

 

Com que é que sonhávamos antes da crise? Será ainda possível sonhar em Portugal hoje em dia? — Estas são algumas das questões em volta das quais se constrói a Fábrica de Sonhos, projecto vencedor do concurso Universidades, integrado na edição de 2013 da Trienal de Arquitectura de Lisboa.

Astrid Bois d’Enghien (BE), Catarina Vasconcelos (PT), Clio Capeille (FR), Margarida Rêgo (PT),  Rain Wu (TW) e Simon Kinneir (UK) são o Colectivo Inventado: conheceram-se enquanto estudantes do Royal College of Arts, em Londres, e têm vindo a recolher sonhos nas ruas de Lisboa e na web, através da uma plataforma móvel e uma plataforma online, respectivamente, que criaram para o efeito.

é urgente voltarmos a aproximar-nos dos nossos sonhos

Face ao tema da Trienal deste ano — Close, Closer — o Colectivo concluiu que era urgente voltarmos a aproximar-nos dos nossos sonhos: "mais do que meras utopias, os sonhos constituem actualmente um modo de imaginarmos e visualizarmos objectivos para além daqueles impostos pela presente situação económica e política".

Interessam-lhes particularmente aqueles sonhos ligados às conquistas e à realização pessoal: "coisas que as pessoas sonharam para as suas vidas, coisas que querem que aconteçam, coisas que gostariam que fizessem parte das suas vidas antes da crise, mas que esta tornou inatingíveis".



Os sonhos recolhidos serão então transformados em imagens e convertidos em acetatos flutuantes. Amplificados por projectores, criam uma paisagem dinâmica que se irá re-organizando e desenvolvendo, relembrando e dando nova vida aos sonhos de outrora.

Composta por três salas — Dream Collector, Working Space e Dreaming Room — a instalação Fábrica de Sonhos pode ser visitada entre 12 e 29 de Setembro no Palácio Sinel de Cordes, em Lisboa.

 


Ver mapa maior
  • VIRAL
    Sabe como categorizar e encaixar os vários tipos de actividades, com exemplos concretos e recomendações para uma boa orientação por esta selva de coisas a acontecer.
  • VIRAL
    Descobre quais as estratégias ninja para publicares na VIRAL AGENDA gratuitamente e aumentares o alcance dos teus eventos.
  • ROTEIRO
    Um relato informado e apurado sobre a edição do NOS Primavera Sound de 2019
  • ROTEIRO
    Não se enganem, falar do Tremor é falar de um festival de música a sério.
  • FENÓMENOS
    Concursos bienais de apoio às artes abrem a 28 de Março, serão distribuídos mais de 18 Milhões de euros.
  • VIRAL
    O Facebook mudou a forma de exportar os eventos para outras plataformas como a VIRAL AGENDA. Descobre como é simples.
  • VIRAL
    Não gostas de publicidade? Compreendemos perfeitamente, mas dá-nos uma atenção, abrindo a excepção.
  • VIRAL
    O Facebook alterou recentemente a política e acesso aos dados, restringindo temporariamente a divulgação de eventos.
  • ROTEIRO
    Actividades de sobra para esta páscoa, especialmente para as crianças e família
  • ROTEIRO
    Revelado o cartaz do Primavera Sound deste ano, aqui fica o relato inédito de Señor Pelota da edição de 2017.
  • ROTEIRO
    Uma exposição de Ivo Purvis sem receita nem prescrição, sem briefing nem cliente.
  • ROTEIRO
    O New Art Fest projecta sobre Lisboa propostas promissoras no campo da cultura digital.
  • ROTEIRO
    Nostalgia, revivalismo e clássicos aos molhes no Teatro Aveirense.
  • ROTEIRO
    Será possível uma cultura alternativa em Aveiro? Com certeza.
  • ROTEIRO
    Actividades para miúdos e graúdos, e uma impressionante selecção musical.
  • ROTEIRO
    Ganha 5 convites duplos para a edição de 2016 do Festival FORTE!!!
  • ROTEIRO
    DJ e radialista, Señor Pelota fala-nos de 3 dias de grande música, sem filas nem atropelos.
  • ROTEIRO
    Uma noite com raízes sonoras em Detroit e os olhos postos no clássico de Kubrick.
  • ROTEIRO
    7 eventos a não perder este fim-de-semana em Lisboa!
  • ROTEIRO
    7 cenas mesmo fixes para fazer durante o fim-de-semana prolongado no Porto!