Fechar Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirmem junto dos promotores se estes vão ocorrer.
15:00
Democracia 4.0 – A Era Digital e a Desinformação

Democracia 4.0 – A Era Digital e a Desinformação

Podem as democracias liberais sobreviver à digitalização? Diariamente, estes dois conceitos estão cada vez mais amalgamados. Vivemos na era da informação e desinformação, que se confundem e muitas vezes provocam o caos. O propósito desta tertúlia é refletir e discutir sobre os perigos da desinformação provocados pela crise da pandemia e a sua proliferação online, as iniciativas dos jovens que contribuem a favor da solidariedade e da cidadania, e o papel desempenhado pela educação. 

Link de acesso: tvedras.pt/gzbas
ID da reunião: 863 4462 4842
Senha de acesso: 158476

Info: juventude@cm-tvedras.pt
Oradores: Bernardo Branco Gonçalves, fundador da Associação Discurso Paralelo; Diogo Malafaya e Álvaro Samagaio, co-fundadores da Skribo - “Empowering Journalism with A.I. ; Vasco Ferreira, presidente da Associação dos Jovens Auditores da Defesa Nacional
Moderadora: Corina Lozovan

"Temos um potencial poderoso na nossa juventude, e devemos ter a coragem de mudar as ideias e práticas obsoletas para que possamos dirigir o seu poder para bons fins". Mary McLeod BethuneO início da nova década, 2020, em retrospetiva é considerado um annus horribilis, marcado pela pandemia covid-19 e os eventos turbulentos que se seguiram. Mas apesar de ter sido um ano de disrupção, também se revelou um ano com mais criatividade, rumo a uma aceleração digital sem precedentes. Neste contexto, muitos jovens foram responsáveis pela inovação e alguns pela resiliência que demonstraram, continuando com o seu trabalho e desafiando a inércia pandémica.Por outro lado, muitos países da Europa continuam com a crise sanitária manifestando-se nas crises das democracias liberais. Portugal, por sua vez, está na liderança da Presidência do Conselho da União Europeia, com a incumbência de liderar a Europa em direção a um novo rumo, desafiado pela emergência de populismos. No âmbito do seu programa, um dos focos recaí sobre a área da juventude, especialmente os jovens, procurando-se criar mecanismos, espaços e recursos adequados para que estes tenham mais oportunidades. O objetivo é ajudar e reforçar os jovens a continuarem empenhados nas suas comunidades, dispostas a trabalhar, juntamente com os decisores, em soluções que beneficiem a sociedade em geral. Com isto em perspetiva, propõe-se, no âmbito das comemorações do “25 de Abril”, a realização de 3 tertúlias focadas na temática da juventude, debruçando-se sobre os assuntos mais prementes em Portugal e também na União Europeia, estando todos ligados pelo elo simbiótico europeu. Almeja-se refletir e debater sobre os desafios que os jovens com múltiplas identidades enfrentam em democracias cada vez mais frágeis, e como podem estes navegar neste mar de desinformação, tornando-se bons cidadãos digitais. Este ciclo de tertúlias termina com uma reflexão que incide sobre a arte e a cultura, questionando o seu papel e a importância de se inovarem e ressuscitarem, contribuindo para uma sociedade mais consciente, politicamente e culturalmente ativa. Os oradores convidados destas tertúlias serão brevemente anunciados, ficando a condução das ações a cargo de Corina Lozovan.

Fonte: http://www.cm-tvedras.pt/agenda/detalhes/115191
Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android