Loader
O FESTIVAL SETE SÓIS SETE LUAS, O FESTIVAL DO MEDITERRÂNEO ESTÁ DE VOLTA A PONTE DE SOR

O FESTIVAL SETE SÓIS SETE LUAS, O FESTIVAL DO MEDITERRÂNEO ESTÁ DE VOLTA A PONTE DE SOR

  • Destaque
  • Evento terminado
  • Vou
Com o apoio do Município de Ponte de Sor, uma XXVI edição do Festival Sete Sóis Sete Luas repleta de grandes artistas e produções originais.
 
Ponte de Sor, que é também a sede de 2 dos 9 Centrum Sete Sóis Sete Luas, os centros de arte espalhados entre Portugal, Itália, França e Cabo Verde, recebe a XXVI edição deste incrível Festival do Mediterrâneo e do mundo lusófono. Será uma edição rica de grandes artistas mas sobretudo de produções musicais originais com marca Sete Sóis Sete Luas. Muitos são os palcos: do belíssimo anfiteatro da zona ribeirinha de Ponte de Sor, até à Praça Central de Galveias e ainda do anfiteatro de Montargil até Foros de Arrão. Muitos lugares para animar o comprido verão musical do Concelho que começa no dia 30 de Junho com os ritmos característicos das ilhas de Cabo Verde, funaná, mornas e coladeiras, reinterpretados de uma maneira nova pela jovem Sara Alinho, cantora e compositora que reflete a influencia de três continentes: nascida em Portugal, é filha da famosa cantora cabo-verdiana Teté Alinho e de pai mexicano.
Serão três as produções musicais originais Sete Sóis Sete Luas apresentadas em estreia Nacional em Ponte de Sor. No dia 14 de Julho será a vez da Cunfrontos 7Sóis, que surge do trabalho conjunto de 10 reconhecidos músicos provenientes das diferentes margens do Mare Nostrum e do mundo lusófono (Brasil, Cabo Verde, Espanha, França, Portugal), que encontraram na ilha da Sardenha a extraordinária tradição do canto dos Tenores de Neoneli (património imaterial da humanidade). A seguir duas residências musicais para duas novas produções: a Estrelas 7Sóis, que atuará em estreia nacional no dia 28 de Julho, onde os espíritos do Mediterrâneo e do mundo lusófono reúnem-se através de artistas provenientes do Brasil (Roberto Melo, nas percussões e no violão), da Grécia (Kristi Stassinopoulou, na voz, harmónica e tambor de quadro e Sthatis Kalyviotis, no laouto e live looping), de Portugal (Fernando Meireles, na sanfona, no cavaquinho e no bandolim e o extraordinário violinista prodígio, Fernandito, com apenas 12 anos), e a Jeunesse III du 7Sóis Orkestra, que atuará em vários palcos nos dias 3, 4 e 5 de Agosto, um projeto original realizado pelo terceiro ano consecutivo que envolve 5 jovens de grande talento vindos das diferentes culturas musicais enraizadas nos países da Rede Sete Sóis Sete Luas, vencedores do Prémio Revelação Sete Sóis Sete Luas no seu país de origem. A direção musical será da responsabilidade do grande e reputado baterista português André Sousa Machado, que irá orientar e escolher o repertório musical deste novo projeto, que pretende valorizar os novos talentos dos países SSSL. Será também convidado para integrar este projeto um jovem músico de Ponte de Sor, cidade que irá receber esta extraordinária residência artística cheia de energia.
Nesta variegada programação, no dia 18 de Agosto, não pode faltar a música do Sul de Itália com um dos melhores artistas da música popular italiana, Mimmo Epifani, pelas suas improvisações com o bandolim, e pelas originais técnicas da mandola alla barbiere, técnica chamada assim porque foi ensinada numa barbearia da sua cidade, San Vito dei Normanni. A musicalidade instintiva e profunda de Mimmo, ligada a raízes antigas, torna este músico num artista de nível internacional e de referência para outros músicos de todo o Mediterrâneo. Mimmo colaborou com grandes artistas como Massimo Ranieri, Eugenio Bennato, Antonio Infantino, Ambrogio Sparagna, Avion Travel. Nos últimos anos é um dos protagonistas mais importantes da Notte della Taranta, o grande Festival dedicado à música do Salento.
O verão Sete Sóis não pára  nem em Setembro e continua com mais uma produção original do Festival, a Santo Antão 7Sóis Band com a participação de 5 talentosos músicos da ilha de Santo Antão, que vai atuar no dia 7 de Setembro. O repertório do grupo defende a tradição musical das montanhas da ilha de Santo Antão, uma das mais ricas de Cabo Verde do ponto de vista cultural,  através da recuperação das canções de trabalho dos camponeses e dos pescadores, utilizando o crioulo, que confere aos temas uma emoção especial. Os 5 músicos, Domingos Lima, Rogério Monteiro, Rui Salomão, Roger dos Santos e John D’Brava, foram dirigidos musicalmente pelo mestre italiano Mário Incudine. O repertório da Santo Antão 7Sóis Band concilia músicas tradicionais, composições originais e novos arranjos inspirados na rica cultura da ilha de Santo Antão.  Um fascinante trajeto que visita a música das montanhas e se alimenta de uma terra antiga e arcaica, contemplando igualmente a realidade do nosso tempo.

O grande evento final desta XXVI edição do Festival Sete Sóis Sete Luas vai ser no dia 8 de Setembro com "Triplette" um espetáculo de circo acrobático, da conhecida companhia francesa Les P’tits Bras, totalmente novo, que faz um tributo emocionante e pouco habitual aos loucos anos do circo, os anos 30 do século XX. Aproveitando uma estrutura daquela época, os três acrobatas apresentam propostas com números de circo incríveis. Uma coreografia cheia de paixão e acrobacias que os esgota após o segundo minuto… um trapézio suspenso a 7 metros do chão, uma inacreditável execução no quadro coreano, um número acrobático vertiginoso onde a habilidade, a nostalgia, o amor e a ternura são de tirar o fôlego...

Espera-nos sem dúvida um verão quente em Ponte de Sor aos ritmos da música do Mediterrâneo e do mundo lusófono com as emoções únicas do Festival Sete Sóis Sete Luas.

 Ponte de Sor

Entrada livre
PROGRAMAÇÃO MUSICAL 2018

Sábado 30 de Junho – Anfiteatro da Zona Ribeirinha , Ponte de Sor
SARA ALINHO (Cabo Verde)

Sábado 14 de Julho – Anfiteatro da Zona Ribeirinha , Ponte de Sor
CUNFRONTOS 7SÓIS (Brasil, Cabo Verde, Espanha, França, Portugal)

Sábado 28 de Julho – Praça Central, Galveias, Ponte de Sor
ESTRELAS 7SÓIS (Cabo Verde, França, La Réunion, Marrocos, Portugal)

Sexta-feira 3 de Agosto – Montargil, Anfiteatro
JEUNESSE III DU 7SÓIS ORKESTRA (Mediterrâneo)

Sábado 4 de Agosto – Anfiteatro da Zona Ribeirinha, Ponte de Sor
JEUNESSE III DU 7SÓIS ORKESTRA (Mediterrâneo)

Domingo 5 de Agosto – Foros de Arrão
JEUNESSE III DU 7SÓIS ORKESTRA (Mediterrâneo)

Sábado 18 de Agosto – Montargil, Anfiteatro
MIMMO EPIFANI & THE BARBERS (Puglia, Itália)

Sexta-feira 7 de Setembro – Anfiteatro da Zona Ribeirinha, Ponte de Sor
SANTO ANTAO 7SÓIS BAND (Cabo Verde)

Sábado 8 de Setembro – Anfiteatro da Zona Ribeirinha, Ponte de Sor
TRIPLETTE (França): circo aéreo acrobático de medio formato
Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android