Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirmem junto dos promotores se estes vão ocorrer.
17:00 até às 19:00
RESSENTIMENTO -Corporalma: EXPRESSÃO CORPORAL de EMOÇÕES -gratuito

RESSENTIMENTO -Corporalma: EXPRESSÃO CORPORAL de EMOÇÕES -gratuito

Grátis
Há cerca de um ano que temos vindo a expressar corporalmente emoções/sentimentos. Trata-se de uma temática sobre a qual possuo várias publicações de reconhecimento académico há vários anos. As emoções/sentimentos não existem à parte de qualquer outra dimensão humana, como a raciocinativa, a ética, etc. Na linhagem budista, o neurobiólogo Francisco Varela editou um livro sobre ética orgânica, um conceito que ainda não desenvolvemos anteriormente, mas que iremos desenvolver nos próximos 4 meses, dado que iremos dedicar, como até agora, uma sessão mensal a uma emoção. 
As sessões realizadas até agora disseram respeito às emoções primárias, tal como são definidas por vários autores, como Daniel Goleman. Não havendo consenso quanto a uma das primárias, nós escolhemos (de acordo com vários autores) a alegria, a tristeza, o medo, a ira e o nojo. Elas são primárias do ponto de vista filogenético e ontogenético, quer no ser humano, quer em qualquer outro animal com sistema nervoso central. Se as articularmos com as capacidades auto-organizativas dos seres vivos e com a dimensão raciocinativa dos humanos, percebemos que a sua (não) expressão pode ocorrer de forma saudável mas também patológica, como no caso da síndrome pós-traumática. Seguindo autores como Óscar Gonçalves (Psicologia) ou Gregory Bateson, apercebemo-nos que uma delas é dominante na nossa vida, devido sobretudo à nossa história de vida e como o seu mecanismo fisiológico formal criou um padrão de resposta que pode ser flexibilizado, ainda que não anulado, excepto em situações muito raras. Sobre tudo isto tenho lecionado, além de escrito, e colocado em prática com alunos, após a criação pessoal de um método dirigido a este assunto.
Nas sessões anteriores deixamos claro que não há emoções boas ou más, que essa classificação depende do contexto no qual as sentimos, no qual as (não) exprimimos, ou seja, no modo como as GERIMOS no nosso interior e na nossa interacção com os outros.
É o que continuaremos a fazer, revelando pela expressão corporal as emoções mas também a resiliência às mesmas em situações que nos causem sofrimento. Com efeito, em algumas das sessões já realizadas, várias pessoas exprimiram não propriamente a emoção mas a resiliência face a elas, o que tem sido uma forma de aprendizagem interessante para os outros elementos.
Por fim um apontamento sobre emoção e sentimento. Para alguns autores, existe uma justaposição (Goleman, por exemplo), para outros existe uma diferenciação (Damásio, Maturana) decorrente da capacidade de reflexão auto-observacional dos seres humanos.
Assim, convidamos-vos a todos a aprendermos a exprimir e gerir emoções tão importantes para os seres humanos como o RESSENTIMENTO, nesta sessão.
Se alguém tiver interesse, leitura de artigos e de livros pode ser-me solicitada
Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android