21:30 até às 23:30
Conversa: 'Anna Karénina' de Lev Tolstoi

Conversa: "Anna Karénina" de Lev Tolstoi

25 de setembro, sábado, a partir das 21h30, junte-se online a uma conversa informal com Inês Pedrosa, Patrícia Reis e Rita Ferro sobre "Anna Karénina" de Lev Tolstoi.

Aceda aqui: https://us06web.zoom.us/j/85955400640
Informações: museudafarmacia@anf.pt
www.facebook.com/groups/ClubedeLeituradoMuseudaFarmacia

Esta iniciativa conta com o apoio do PNL 2027.

"Anna Karénina" de Lev Tolstoi, unanimemente considerada uma das mais importantes obras literárias de todos os tempos, decorre na Rússia czarista do Século XIX. A ponte com a coleção do Museu da Farmácia será efetuada através de  um dos exemplares mais requintados de mobiliário russo, do século XIX, em exposição no Museu da Farmácia Porto: a Farmácia Portátil da Família Imperial Russa - Romanov.

As nossas convidadas integram semanalmente o painel residente do Programa “A Páginas Tantas” (Antena 1) e elegeram este romance como um dos pilares da sua formação como leitoras e escritoras.

::::::::::::::::::

Inês Pedrosa (1962, Coimbra)
Publicou 26 livros, destacando-se os romances “Nas Tuas Mãos” (1997) - Prémio Máxima de Literatura, “Fazes-me Falta” (2002), “A Eternidade e o Desejo” (2007) - finalista do Prémio Portugal Telecom e do Prémio Correntes d’Escritas e “Os Íntimos” (2010) - Prémio Máxima de Literatura. No domínio da não-ficção destacam-se “José Cardoso Pires: Fotobiografia” (1999), “20 Mulheres para o Século XX” (2000), “Crónica Feminina” (2005) e diversas antologias de poesia. Está publicada nos Estados Unidos da América, na Alemanha, no Brasil, na Croácia, em Espanha e em Itália. Dirigiu a Casa Fernando Pessoa (2008 a 2014). É também jornalista e tradutora literária. Integra o programa “O Último Apaga a Luz” (RTP3). É autora do programa “Um Homem, Uma Mulher” (Antena 1). Em 2017 lançou a editora Sibila Publicações. “O Processo Violeta” (2019) é o seu mais recente romance.

Patrícia Reis (1970, Lisboa). 
Exerceu a sua profissão de jornalista no O Independente, Sábado, Time, Marie Claire, Elle, Público e na revista Egoísta (diretora atual).
Estreou-se na ficção em 2004, com a novela "Cruz das Almas", a que se seguiram os romances "Amor em Segunda Mão" (2006), "Morder-Te o Coração" (2007), "No Silêncio de Deus" (2008), "Antes de Ser Feliz" (2009), "Por Este Mundo Acima" (2011), "Contracorpo" (2013), "Gramática do Medo" (2016), escrito a quatro mãos com Maria Manuel Viana, "A Construção do Vazio" (2017), "As Crianças Invisíveis" (2019) e "Da Meia-Noite às Seis" (2021). É ainda autora de obras de cariz biográfico e de livros infantojuvenis, entre os quais a coleção Diário do Micas, que tem o selo do Plano Nacional de Leitura.

Rita Ferro (1955, Lisboa)
Estudou Design, especializou-se em Marketing, foi professora de Publicidade e exerceu funções de direção e consultoria em diversas empresas. Iniciou a sua carreira literária em 1990, escreveu romances, cartas, biografias, livros de crónicas, literatura juvenil e peças de teatro. Além de jurada literária e de festivais de cinema, é presença regular na imprensa, na rádio e na televisão. Em 2009, integrou o conselho consultivo da recém-criada Fundação António Quadros, Cultura e Pensamento, dedicada à memória de seu pai e de seus avós. Como escritora destacam-se os romances:  "O nó na garganta" (1990), "O vestido de lantejoulas" (1991), "O vento e a lua" (1992), “Por instinto” (2000), “Os filhos da mãe” (2000), “A menina dança?” (2002), “Uma mulher não chora” (2002), “És Meu!” (2003), “Não me contes o fim” (2005), “As caras da Mãe” (2006), “4 & 1 Quarto” (2009), “Chocolate” (2010), “A menina é filha de quem?” (2011) – Prémio PEN Novelística, “Veneza pode esperar – Diário 1” (2013), “Só se morre uma vez – Diário 2” (2015), “Um amante no Porto” (2018) e “Os pássaros cantam em grego – Diário 3” (2020). É também autora da biografia "António Ferro - Um Homem por Amar" (2016).

#clubedeleituradomuseudafarmacia
#levtolstoi
#inespedrosa
#patriciareis
#ritaferro
#relogiodeagua
#museudafarmacia
#museu
#pnl2027
Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android