20:30 até às 22:40
Festim Esta Noite Grita-se: Os Aliens de Annie Baker  / Palavra - leitura ...

Festim Esta Noite Grita-se: Os Aliens de Annie Baker / Palavra - leitura ...

5ª temporada | Companhia Cepa Torta

Texto nomeado para os Susan Smith Blackburn Prize e vencedor do Obie Award for Best New American Play, Os Aliens apresenta o encontro de Evan, um rapaz de 17 anos que arranjou um emprego num café e dois jovens adultos (KJ e Jasper) que ocupam as traseiras daquele estabelecimento. Jasper, KJ e Evan conversam sobre a vida, os sonhos perdidos, as namoradas abandonadas, os planos futuros ou as drogas que tomam. Nos silêncios das conversas entrevê-se a realidade depressiva dos mais velhos – vidas difíceis e obcecadas com o enorme falhanço e solidão em que vivem. Jasper e KJ estão desfasados do mundo e sobrevivem graças à companhia um do outro e uma centelha de esperança na sua própria genialidade. Evan parece ser infantil demais para a sua idade: o adolescente num “constante estado de humilhação”, encontra nestes estranhos jovens adultos uma companhia onde não se sente julgado e onde a sua autoconfiança emerge. Os Aliens é, acima de tudo, um grito adolescente à procura da força necessária para não parar de respirar.

O Festim “Esta noite grita-se” é único no panorama cultural português. Estas leituras não obedecem ao cânone. Aqui há um ator que lê as didascálias, os textos são lidos quase sempre na íntegra e todo o processo de ensaios leva a momentos dotados de um fulgor e exuberância invulgares, apesar do despojamento do dispositivo cénico e da relação íntima e informal estabelecida com o público. A primazia é dada ao texto, às palavras do autor, interpretadas por reconhecidos intérpretes e oferecidas à imaginação dos públicos. A encenação é do público. E é nessa transposição, do texto para os ouvidos da audiência, que está a missão principal do Festim.

Direção FILIPE ABREU e MIGUEL MAIA
Autor ANNIE BAKER
Tradução MARIANA MAURÍCIO
Interpretação JOSÉ REDONDO, GONÇALO CARVALHO, JOSÉ MATOS DE OLIVEIRA
Design Gráfico EDOARDO U. TRAVE

A Companhia Cepa Torta é uma plataforma artística que, desde 1999, trabalha na área do teatro e performance. Afirma-se como um conjunto de artistas que colaboram entre si nos diferentes projetos que assentam na criação artística teatral, no trabalho com a comunidade onde se encontra (Marvila), e no serviço educativo – secção O Rebento. Nos seus 20 anos de existência apresentou trabalhos na Malaposta, Teatro Ibérico, Teatro Taborda, Biblioteca de Marvila, Teatro da Comuna, Teatro da Trindade, Teatro da Garagem, Fala-Só, Fábrica Braço de Prata, Bridewell Theatre (Londres), entre muitos outros espalhados pelo país. O trabalho dos Cepa Torta assenta tanto no teatro de repertório (Brecht, Gil Vicente, Raul Brandão, Eurípedes, Tchékhov, Durënmatt), como em criações originais de Miguel Maia e Filipe Abreu. Um dos projetos emblemáticos mais recentes é o Festim de leituras. Com um coletivo eclético, a companhia tem a ambição contínua de pesquisar formas de fazer, investindo na procura de novas abordagens de encenação e criação. A revisitação do património dramatúrgico clássico, e por isso intemporal, coabita com um interesse contínuo na contemporaneidade e nos dramas da realidade atual.

Fotografia SÓNIA GODINHO



Contacto: Centro Cultural Malaposta

Fonte: https://www.cm-odivelas.pt/conhecer-odivelas/agenda-municipal/todos-os-eventos/evento/festim-esta-noite-grita-se-os-aliens-de-annie-baker-palavra-leitura-interpretada
Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android