Fechar Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirmem junto dos promotores se estes vão ocorrer.
N/D
EXPOSIÇÃO “DIÁLOGO INTERDISCIPLINAR ARTE-ESPAÇO-ARQUITETURA”, de Ernst Föll

EXPOSIÇÃO “DIÁLOGO INTERDISCIPLINAR ARTE-ESPAÇO-ARQUITETURA”, de Ernst Föll

Patente de 19 de abril a 17 de julho | 10h00-18h00 (2ª a 6ª feira)

Local: Centro Cultural de Lagos – Sala 2 e 3
Entrada livre

“Diálogo Interdisciplinar Arte-Espaço-Arquitetura - O maior potencial para a liberdade humana reside em restrições autodeterminadas”

Foi na Academia de Arte de Düsseldorf (Alemanha), em 1970, que Ernst Föll estudou e teve o prazer de ter como professor o artista Joseph Beuys, considerado um dos artistas alemães mais influentes da segunda metade do século XX. Foi também aí que conheceu o Movimento Artístico Fluxus, movimento de cunho libertário caracterizado pela mistura de diferentes artes, originalmente nas artes visuais e depois também na música e na literatura. Este movimento esteve muito ativo nos anos 60 e 70. No entanto, foi considerado antiarte, pois naquela altura o movimento Fluxus ia contra o próprio objeto de arte.

Ernst Föll assistiu a esta manifestação artística, pois o seu professor e mais um conjunto de artistas tinham um pensamento além-fronteiras. É com este pensamento e a aprendizagem que Ernst aprendeu a ver a Arte de uma forma mais alargada, sem barreiras e com muita ambição.

No seu percurso artístico, a poesia, a filosofia e a arquitetura têm um papel muito importante nas suas criações. Para si, o pensar “fora da caixa” foi sempre mais fascinante do que ficar enclausurado na “Torre de Marfim”. No entanto, uma questão percorre todos os seus estudos interdisciplinares: “Qual é a medida certa?”. O importante para Ernst não é a quantidade e o tamanho da obra, mas sim o conceito, a harmonia e o que transmite.

Ernst pretende transmitir um pouco dos ensinamentos que recebeu do artista e professor Joseph Beuys e mostrar que tudo se consegue com a mescla de diferentes pensamentos e artes.

Sobre o artista:
Ernst Föll nasceu em 1949 em Hilden, perto de Dusseldorf, na Alemanha. Em 1970, estudou na Academia de Belas Artes “Freien Kunst” na Kunstakademie Düsseldorf com o professor (na área da escultura) e artista Joseph Beuys, um dos artistas alemães mais influentes da segunda metade do século XX.
Joseph Beuys produziu obras em vários meios e técnicas, incluindo pintura, escultura, fluxus, happening, performance, vídeo e instalação.
Entre 1972 e 1974, Ernst foi mentor dos estudantes de Joseph Beuys. Entre os anos 1974/90 foi professor em várias escolas de arte, seguindo o estilo artístico de Beuys. Em 1990, Ernst trabalhou como designer e mestre de construção e implantação de casas particulares, centros comerciais e de lojas. Continuou a participar em exposições coletivas e em projetos sociais na Alemanha e noutros países.
De 1994 a 98 dá aulas de escultura na Academia de Belas Artes, em Mainz, Alemanha. Em 2008 realizou uma escultura “Hans Christian Andersen” para uma escola em Ahaus, Alemanha. Reencontrou Nada Mandelbaum em 2016, amiga de longa data, e decidiu vir viver para Portugal. Em 2018 participa na exposição coletiva na Casa Álvaro de Campos, em Tavira, e em 2019 na exposição coletiva “O Coração se pudesse pensar, pararia!” (Fernando Pessoa) na galeria de Milreu, em Estói. Em 2021 escreveu os seus pensamentos sobre Arte, Arquitetura e Poesia, “Kunstbriefe”.

Fonte: https://www.cm-lagos.pt/municipio/eventos/8734-exposicao-dialogo-interdisciplinar-arte-espaco-arquitetura-de-ernst-foell
Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android