Fechar Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirmem junto dos promotores se estes vão ocorrer.
N/D
Flávio Rodrigues - LAIVOS | Ante improvisos e ressonâncias (Documentário)
© Flávio Rodrigues

Flávio Rodrigues - LAIVOS | Ante improvisos e ressonâncias (Documentário)

Desde o dia 5 de janeiro que tenho estado em experimentações para um projeto que interceciona o desenho, escultura e o som, Laivos | Ante improvisos e ressonâncias, em que me proponho circundar, embora que não só, de pequenos objectos que fui encontrando em caminhadas. Nesses objetos resgatados tenho procurado os seus ruídos e batimentos cardíacos, numa tentativa, talvez, de salvação. Entre nós, objecto e performer, emergem diálogos silenciosos, onde escutar é uma aprendizagem em conflito mútuo e contínuo.
Ao longo do processo tenho contado com o olhar atento e detalhado do Gustavo Dos Santos, que está a realizar um registo documental sobre o projecto. Do projecto ainda não finalizado, o que partilhamos aqui é um apanhado em bruto dessa raiz ainda em crescimento. — Flávio Rodrigues


FLÁVIO RODRIGUES é artista multidisciplinar, nasceu em Vila Nova de Gaia (1984). Atualmente reside no Porto (Portugal). Começou a dançar e a desenhar com a professora e artista Alexandrina Costa em 1992. No campo acadêmico tem formação em Dança pelo Ginasiano (1996), Balleteatro Escola Profissional (2003), Dance Works Rotterdam (2005) e pelo Núcleo de Experimentação Coreográfica (2008). Frequentou o curso de Intervenção Pública e Criação de Obras Site-specific na Universidade Lusófona (2009) e frequentou o curso de DJ na escola Bimotor (2015). Em 2012, a convite do Balleteatro participa nos encontros Les Réperages/Danse à Lille e integra, com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian, a residência coreográfica Correios em Movimento/Dança em Trânsito (Brasil, Rio de Janeiro). Desde 2006 que desenvolve os seus próprios projectos de criação artística, multidisciplinares e de carácter experimental, referenciando-os como partes integrantes de uma construção paulatina autobiográfica. O desenho, performance arte, criação/manipulação de objectos, som, movimento e a escultura são alguns dos mediums a que recorre, objetivando induzir o corpo/obra em erro/camuflagem/estados abstractos e poéticos, como também explorar plasticidades de natureza bruta, orgânica e/ou crua, maioritariamente provenientes de processos de recolha/respigação. A caminhada tem emergido como meritória base processual. Os seus projectos têm sido apresentados/expostos em diferentes lugares e em parceira com diferentes estruturas - quer de apresentação, co-produção ou apoio à residência de criação – notifico o Teatro Municipal Rivoli (Porto), Ilka Studios (Hannover), 4BidGallery (Amsterdam), Rua Gaivotas 6 (Lisboa), Faculdad de Bellas Artes U.C.M. (Madrid), DevirCapa (Faro), Centro de experimentação artística CEIA (Moita) ou Festival Mandala (Wrocław).
A par ao desenvolvimento das suas próprias criações e pesquisas, tem vindo a colaborar como figurinista, músico, cenógrafo, Performer (entre 2006 e 2017) ou assistente de ensaios com diferentes criadores tais como Né Barros, Isabel Barros, Cristina Planas Leitão, Bruno Senune, Tânia Carvalho, Companhia BCN, Mariana Amorim, Útero, Companhia Radar 360º ou Circolando. É artista associado do Balleteatro desde 2021.


Fonte: http://www.teatromunicipaldoporto.pt/pt/programa/flavio-rodrigues-laivos-ante-improvisos-e-ressonancias-documentario/
Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android