Fechar Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirmem junto dos promotores se estes vão ocorrer.
15:00 até às 18:00
Roteiro das Olarias e Lagares ao Intendente – Mouraria

Roteiro das Olarias e Lagares ao Intendente – Mouraria

05.09.2020 (sábado) - 15H
Venha conhecer o Sítio das Olarias e Lagares da Mouraria, pequeno arrabalde de almoinhas (hortas) e do almocavar (cemitério dos mouros), onde se fixaram os artífices oleiros e dos lagares. Pelo caminho, vamos visitar a Ermida do Senhor Jesus da Boa Sorte e o património no Largo do Intendente Pina Manique.

14,45h - Encontro na Rua da Mouraria/Rua dos Cavaleiros - Largo Martim Moniz - Lisboa
15,00h - Inicio da Visita Guiada pelo património, vestígios, histórias e tradições das Olarias, Lagares e Largo do Intendente
15,30h - Visita à Ermida do Senhor Jesus da Boa Sorte – aberta especialmente para os participantes
17,30h - Lanche no Bairro da Mouraria

Inscrições e Informações: 217 264 179 ou 918 959 584; info@explore-latitudes.pt ou www.explore-latitudes.pt

Condições de Inscrição
- Valor do Roteiro - 15,00€ p/pessoa
(Incluído no Roteiro: Visita Guiada, Entradas Espaços, rádio guias, Lanche, Seguros para a actividade)
- Jovens até 18 anos - 10,00€
- Crianças até 10 anos - Gratuito
- Limite máximo de participantes, rigorosamente 20 Pessoas, reservado exclusivamente para a Explore Latitudes
- Devido ao distanciamento social, a visita poderá ser realizada em grupos com o máximo de 10 participantes
- Inscrição Obrigatória, as inscrições serão registadas por ordem e até ao limite máximo.

Olarias, Lagares e Largo do Intendente
Na descrição no Dicionário da História de Lisboa: “Foi a existência de olarias, já da tradição luso-romana, depois continuada pelos mouros, que deu o nome ao sítio. D. Afonso Henriques, expulsando os mouros da cidade, destinou-lhes local para se fixarem fora de muros, a norte da Alcáçova, junto ao vale onde tinham um pequeno arrabalde de almoinhas (hortas) e que veio dar origem à Mouraria. O Sítio das Olarias, um pouco mais a oriente e já na encosta dos montes da Graça e S. Gens, junto ao almocavar (cemitério dos mouros) foi, por certo, ponto de permanência de artífices de oleiros mouros e, pela riqueza em argila, local privilegiado para instalações de oficinas e suficientemente perto da área que lhes estava reservada para viverem”.
Em 1497, D. Manuel expulou os mouros e doou ao Município de Lisboa e ao Hospital Real de Todos-os-Santos, os terrenos do antigo “almocavar”, mandando arrasar muros e campos, e ordenando que se empregassem as pedras tumulares nas obras do hospital. Começou então a urbanização do sítio e a primeira rua edificada foi a “carreirinha” que ficava «detraz dos Lagares» como já é nomeado num documento de 1502. No entanto, no seu conjunto, formavam «o arrabalde novo da Mouraria onde estão os oleiros».
No Largo das Olarias fica a Ermida do Senhor Jesus da Boa Sorte, começada a construir em 1759 e terminada em 1764. A inscrição na fachada indica que “Esta ermida é da Irmandade dos irmãos da Boa Sorte e Via Sacra ano 1758.
O “Largo” era há muito conhecido pelo “Lardo do Intendente” em virtude de o “Intendente Geral da Polícia” Diogo Inácio Pina Manique ter construído o seu Palácio, existe entre outro património o Palácio do Visconde da Graça e edifício da Cerâmica Viúva Lamego com o seu singular revestimento azulejar.

Declaração Estabelecimento SAUDÁVEL & SEGURO Registo nº 549/2014 - EXPLORE LATITUDES
- Formação a todos os colaboradores
Todos os Colaboradores receberam informação e/ou formação especifica sobre e protocolo interno e como cumprir as precauções básicas de prevenção e controlo de infecção relativamente ao surto de coronavírus COVID-19.
- Informação a todos os Clientes
Está disponibilizada a todos os clientes como cumprir as precauções básicas de prevenção e controlo de infecção e qual o protocolo interno relativo ao surto de coronavírus COVID-19.
- A empresa possui
Equipamentos de protecção (máscara) individual em número suficiente para os trabalhadores envolvidos nas actividades e protecção individual disponível para clientes (capacidade máxima dos grupos).
- O protocolo interno de limpeza e higienização garante
Fornecimento de higienizadores de mãos à base de álcool, sempre que se justifique, aos participantes nas actividades e higienização ou desinfecção dos equipamentos utilizados.
- A organização do serviço assegura
A manutenção da distância social de segurança e a limitação do n.º de entradas em espaços fechados aos participantes nas actividades, de acordo com as recomendações da Direcção Geral de Saúde.

EXPLORE LATITUDES EVENTOS CULTURAIS, Lda
NIPC 510 955 380
RNAAT n.º 549/2014
Membro Associação Turismo de Lisboa
Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android