Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirmem junto dos promotores se estes vão ocorrer.
18:00 até às 19:30
3 formam um perfeito par _ com Daniel Jonas

3 formam um perfeito par _ com Daniel Jonas

Iniciámos no mês de junho no MIRA | artes performativas um novo programa dedicado à poesia da autoria de Claudia Souto e Jose Carlos Tinoco que em cada sessão mensal convidam um poeta com quem conversam convocando a sua poesia e a de outros poetas. Joaquim Almeida é um cúmplice que os acompanha nestas andanças poéticas.

Nesta segunda sessão, Cláudia Souto e j C Tinoco convidam Daniel Jonas para uma conversa e leituras de poemas do autor, e das suas escolhas pessoais.

ATENÇÃO!
1 - Esta sessão vai acontecer no MIRA Flora, o pátio do MIRA na rua de Miraflor pelas 18:00. Sugerimos que tragam um petisco para partilharmos debaixo da bela ramada.
2 - Atendendo à situação sanitária a presença de público está sujeita a restrições de acordo com a DGS. Assim, quem quiser estar presente tem de se inscrever via email: emaildomiraforum@gmail.com. 
3 - Os inscritos receberão uma confirmação.

QUEM É QUEM

CLAÚDIA NOVAIS é licenciada em Direito, tendo formado um grupo de teatro durante os tempos de estudante universitária. Tem participado como leitora em inúmeras sessões de poesia. 

JOSÉ CARLOS TINOCO foi membro fundador do ensemble “A Musa ao Espelho”. Intérprete de poesia em inúmeros eventos, Actor, voz off, radialista. 

DANIEL JONAS nasceu no Porto em 1973.
Publicou vários livros de poemas, entre os quais Sonótono (Prémio PEN 2007; Cotovia, 2006), Nó (Grande Prémio de Poesia Teixeira de Pascoaes; Assírio & Alvim, 2014), Bisonte (Assírio & Alvim, 2016) e Canícula (Língua Morta, 2017). Recebeu o Prémio
David Mourão-Ferreira/Cátedra Aldo Moro da Universidade de Bari para o conjunto da sua obra e foi um dos sete poetas europeus nomeados para o Prémio Europeu da Liberdade atribuído pela cidade de Gdánsk, pelo seu livro Passageiro Frequente. O seu
mais recente livro é Oblívio, galardoado com os prémios dst de literatura e António Gedeão. Tem no prelo o livro “Cães de Chuva”.
Traduziu vários autores, entre os quais Shakespeare, Milton, Pirandello, Huysmans, Dickens, Wordsworth, entre outros.
Tem tido contributos regulares para teatro, seja em tradução, dramaturgia, conversa ou palestra.
Lecciona nos ensinos básico e universitário.
Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android