Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirmem junto dos promotores se estes vão ocorrer.
09:00 até às 17:30
Arquivos coloniais nativos: pistas e terrenos

Arquivos coloniais nativos: pistas e terrenos

No próximo dia 9 de janeiro de 2020, na sala polivalente do ICS-ULisboa, terá lugar a oficina de trabalho ‘Arquivos coloniais nativos: pistas e terrenos de investigação’.

Esta sessão insere-se no âmbito do projeto de investigação ‘INDICO – Arquivos coloniais nativos: micro-histórias e comparações’, financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (PTDC/HAR-HIS/28577/2017) e coordenado por Ricardo Roque (ICS-ULisboa).

Inspirado pela profusão de reflexões em torno do lugar do arquivo na articulação entre poder e conhecimento colonial, este projeto tem como objetivo examinar as práticas “nativas” de produção, preservação e circulação de documentação escrita e registos arquivísticos em Angola, Moçambique, Goa e Timor-Leste. Neste sentido, o projeto investiga a formação e reprodução de culturas de escrita, mediação letrada e guarda de documental no contexto das interações entre o colonialismo europeus e as sociedades locais. Estas questões traduzem-se num conjunto de micro-histórias da vida social destes documentos e dos seus usos políticos, rituais e sociais em diferentes espaços do império português, na Ásia e em África, numa longa cronologia que vai desde o início do século XVI até à década de 1970.

P R O G R A M A

9h15 - Boas-vindas e introdução, Ricardo Roque (ICS-ULisboa)

9h30-10h00: Sessão I - Escritas “nativas” nos Arquivos do Império
Moderação: Ana Canas (AHU-DGLAB, CH-ULisboa)

Documentação “nativa” de Goa, Timor, Angola e Moçambique no Arquivo Histórico Ultramarino: um inquérito em curso
José Miguel Ferreira e Matheus Serva Pereira (ICS-ULisboa)

10h00-10h15 - Coffee-break

10h15-12h30: Sessão II - Escritas africanas
Moderação: Cláudia Castelo (CES-UC)

Sobre arquivos africanos: balanço e perspectivas
Catarina Madeira Santos (EHESS-IMAF)

A escrita nas práticas de poder no reino do Kongo e nas relações diplomáticas com Portugal
Thiago Sapede (EHESS-IMAF)

Nas entrelinhas dos “Alvarás de Assimilação”: colonialismo, cotidiano e agência africana (Moçambique, 1917-1961) 
Matheus Serva Pereira (ICS-ULisboa)

12h30-14h00: Almoço

14h00-15h00: Sessão III – Escritos da Índia, escritos na Índia 
Moderação: Jorge Flores (CIUHCT-FC, ULisboa)

Fragmentos, cópias e traduções: uma viagem às “Caixas da Índia” do Arquivo Histórico Ultramarino
José Miguel Ferreira (ICS-ULisboa)

O império na aldeia. A colecção “Livros das Communidades” do Arquivo Histórico de Goa
Ângela Barreto Xavier (ICS-ULisboa)

15h00-15h15 - Coffee-break

15h15-16h15:  Sessão IV - Papéis timorenses
Moderação: Maria de Lurdes Rosa (FCSH-NOVA) 

“Os reinos tinham os seus arquivos”: seguindo histórias de documentos
Ricardo Roque (ICS-ULisboa)

‘Livros-termos’ e liurais em Timor-Leste: questões de investigação
Luísa Coutinho (ICS-ULisboa)

16h30-17h30
Debate e comentários finais: Cláudia Castelo, Jorge Flores, Maria de Lurdes Rosa

17h30 – Encerramento
Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android