N/D
NOVO BANCO REVELAÇÃO: 2019

NOVO BANCO REVELAÇÃO: 2019

Local: Museu

Esta é a edição de 2019 do prémio NOVO BANCO Revelação, uma parceria com o NOVO BANCO destinada a apoiar a jovem produção artística portuguesa no campo da fotografia. As candidaturas recebidas foram este ano analisadas por um júri internacional composto por Susana Lourenço Marques (professora de Fotografia e História da Fotografia na Faculdade de Belas-Artes do Porto), a equatoriana Manuela Moscoso (curadora da Bienal de Liverpool de 2020) e o curador independente espanhol Pedro de Lhano. Em diálogo com Filipa Loureiro e Ricardo Nicolau — os dois curadores responsáveis pela gestão e a apresentação do projeto em Serralves —, o júri distinguiu este ano os projetos de Diogo da Cruz, Luís Ramos e Alice dos Reis (eleita como a vencedora), que, graças à bolsa de produção concedida pelo NOVO BANCO, foram realizados e agora vemos expostos em Serralves.

A instalação proposta por Diogo da Cruz investiga o estatuto da fotografia e o seu papel legitimador do conhecimento e dos acontecimentos. Aproximando arte e ciência, o artista acompanha o trabalho de pesquisadores que, no interior de uma montanha onde instalaram uma poderosa "máquina fotográfica”, procuram captar o desconhecido, fotografar matéria negra. O projeto apresentado por Luís Ramos, carregado de remissões irónicas ao mundo da arte – em que se destaca uma escultura feita de objetos industriais que se pode confundir com uma obra pós-minimalista –, discute o potencial heurístico dos diferentes dispositivos de criação de imagens fotográficas, com particular atenção às acidentalmente geradas com o telemóvel, por isso logo descartadas. No âmbito mais lato da sua investigação em torno da relação entre espécies, da miscigenação, do hibridismo e da ecologia dos oceanos, Alice dos Reis submeteu a concurso um filme de ficção científica subsidiário de uma prática da fotografia passível de facilitar o eixo horizontal da relação e permitir aos humanos verem "com animais em lugar de olhar para animais”.

Além da produção do vídeo com que concorreu ao prémio, Alice dos Reis esteve particularmente envolvida na publicação monográfica dedicada ao vencedor. Tradução deste investimento, uma das salas de exposição foi concebida como um espaço de leitura, onde os visitantes podem – antes ou depois de assistirem ao seu vídeo – familiarizar-se com os universos aí explorados.




Fonte: https://www.serralves.pt/pt/actividades/novo-banco-revelacao-2019-2/
Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android