Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirmem junto dos promotores se estes vão ocorrer.
16:30 até às 20:00
Artesãos a trabalhar ao vivo no Café Paraíso

Artesãos a trabalhar ao vivo no Café Paraíso

ARTESÃOS A TRABALHAR AO VIVO
no Café PARAÍSO em Tomar
30 Novembro 16h30-20h; 1 e 2 Dezembro 9h-20h
Entrada Livre
 
Nos próximos 30 Novembro 16h30-20h; 1 e 2 Dezembro 9h-20h, vai acontecer em Tomar – no Café Paraíso -, a 1.ª edição de ARTESÃOS URBANOS A TRABALHAR AO VIVO.

Um artesão não só se distingue pelo seu apurado sentido estético como também pela perícia manual e a determinante intervenção pessoal, visíveis na autenticidade do artigo...
 
Para todas as idades e também para gozar em família, esta 1.ª edição inclui o trabalho ao vivo de nove artesãos e de um pintor, colectivo que vem partilhar os seus saberes com a comunidade e exprimir a sua gratidão às pessoas e aos empresários que apostam na sustentabilidade e na cooperação.

ARTESÃOS URBANOS A TRABALHAR AO VIVO
no Café PARAÍSO em Tomar
30 Novembro 16h30-20h; 1 e 2 Dezembro 9h-20h

Manufactura de peças artísticas elegantes, úteis e ou decorativas, moldadas pelas mãos e a criatividade de nove artesãos e um pintor, ao vivo, no Café Paraíso em Tomar:

Arraiolos e Macramé
Arraiolos, uma das mais conhecidas tapeçarias do país. bordadas em lã, com o ponto de costura que lhes dá nome, sobre uma tela de junta, algodão ou linho, e objectos decorativos em macramé -  técnica de tecer fios que não utiliza nenhum tipo de maquinaria ou ferramenta -, ao vivo, pela Madalena.

Papiagem e Pelaria
A papiagem, uma antiga técnica de confecção de máscaras para o teatro, é uma prática ecológica, que utiliza papel de jornal/revistas como ingrediente-base.
A Paula Ramalho vem apresentar a sua arte de criar esculturas de fina sensibilidade e manufacturar com pele natural, criações da sua autoria, 100% artesanais.

Mandalas e Filtros dos sonhos
Representações geométricas da nossa relação dinâmica com o cosmos, as mandalas são objectos decorativos, também usados para meditação, com imagens simbólicas que sugerem o retorno à unidade.
O Filtro dos Sonhos, também conhecido como “apanhador de sonhos”, “caçador de sonhos”, “cata-sonhos” ou “espanta pesadelos” é um símbolo místico indio, que ajuda a proteger das más vibrações e dos sonhos ruins que invadem as noites, aqueles que, segundo a tradição, não nos pertencem. 
A Olímpia Batista vem realizá-los à mão, com matérias-primas naturais.

Sais e Gessos perfumados
Substâncias voláteis perfumadas que se colocam na água do banho ou em espaços interiores  à maneira de ambientadores e harmonizadores, também chamados sais psicoativos. 
A Ana vem mostrar como óleos essenciais, essências aromáticas e corantes naturais extraídos de vegetais podem aliviar dores ósseas e musculares e promover o equilíbrio do sistema nervoso e o bem-estar, e como o gesso conseguido a partir da pedra do talco, e perfumado, permite harmonizar ambientes interiores.

Presépios
O primeiro presépio, feito de argila, foi montado pelo franciscano italiano São Francisco de Assis, em 1223.
Por esta altura a família sagrada chega a casas, escolas, praças e largos de várias localidades e, respeitando a representação original, deparamos com presépios de diferentes materiais, formas e tamanhos. A Anabela (Bé) Vieira e a Suzana Antunes vêm manufacturar a sua arte colectiva, com elementos naturais e tecidos.

Utensílios para o Equilíbrio e o Bem-estar
Cada cristal tem uma vibração única – a sua própria frequência. Quando lhes pegamos, as vibrações mudam. Eles já não vibram na sua própria frequência pois, automaticamente, adquirem uma vibração harmonizada com a sua fonte de energia. Usar ou segurar um cristal pode ajudar-nos a estimular a consciência, a intensificar a intuição e a percepção de dimensões mais subtis, a proteger-nos de energias e radiações prejudiciais, a facilitar processos de cura...
Cristiano Gandra vem mostrar-nos como fabrica jóias e instrumentos para o equilíbrio e o bem-estar.

 “My brain painting” (A pintura ao meu jeito)
Clive pinta o mundo com cores, formas, profundidade e imaginação… acocorado no chão. Uma mistura de óleos, acrílicos, cera e pigmentos de plantas, exploradas através de calor e frio extremos…, Coisas que quebram regras…?

Instrumentos Musicais
A Tongue Drum ou Tank Drum é construída a partir de uma comum garrafa de gás. Tem um som agradável e melódico. Podem criar-se diferentes escalas, sendo as mais comuns as pentatónicas. Durante o evento o Ricardo e a Maria vêm explicar como se fabricam e quais as técnicas usadas nos acabamentos. Reciclar está na ordem do dia!

Um presente artesanal é o resultado de talento e dedicação…; quem o oferece tem a satisfação de apoiar directamente o trabalho de um artista ou artesão; quem o recebe ganha algo único, feito com carinho e dedicação, sentimentos que podem ser sentidos e observados no próprio artigo.
 
Em família ou com os amigos venha até ao café Paraíso, património cultural tomarense (com a bonita idade de 107 anos), ver o trabalho ao vivo de dez criativos e muitas outras manufacturas originais em exposição no local. 

A entrada é gratuita e a sua visita bem-vinda. 
Por feliz coincidência, no sábado, encontrará ainda outros artesãos com as suas criações no Mercado da Estrelinha. 

Organização de Cristiano Gandra e Clive William / Arca de Lis – Associação e Café Paraíso e com os apoios de Luís Pires – Soc. de Mediação de Seguros e Daniel Rodrigues da Remax, ambos em Tomar.
Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android