21:30
Os Descendentes da Atlântida – Ópera Açoriana

Os Descendentes da Atlântida – Ópera Açoriana

  • Destaque
  • Evento terminado
O espetáculo “Os Descendentes da Atlântida – Ópera Açoriana” é uma coreografia simbólica e uma performance de forte impacto visual, com base em textos da literatura açoriana, representando a poesia deste povo de alma vulcânica e a sua importância no imaginário do Rio Grande do Sul.

O tom fantástico da encenação vem da lenda da herança da Atlântida e procura refletir sobre a mitologia heroica desse povo desbravador e os seus paradoxos de luta e amor pela natureza. Na verdade, o arquipélago dos Açores sempre enfrentou uma luta com a natureza devido aos constantes tremores de terra e ao forte sentido de isolamento destas nove ilhas cercadas pelo oceano. Esta história será representada, assim, por nove bailarinas, em nove estruturas formando um arquipélago de ilhas dançantes. 

O símbolo e a origem do nome do arquipélago vêm do pássaro açor. No espetáculo, este símbolo personifica o espírito desbravador dos açorianos, resgatando e valorizando as relações do seu povo na formação dos hábitos e da cultura do estado brasileiro do Rio Grande do Sul.

A banda sonora é, por sua vez, uma releitura contemporânea da sonoridade açoriana, enquanto o desenho de luz e as coreografias pretendem refletir a relação dos ilhéus com o mar, sua mitologia e com os tremores e erupções vulcânicas das ilhas. 

O povoamento Açoriano do Rio Grande do Sul 
A chegada dos primeiros açorianos ao Rio Grande do Sul é um marco histórico da formação da cultura e costumes deste estado brasileiro, constituindo um referencial simbólico que ajudou na formação da sua cultura. 

Há 263 anos, exatamente em 1751, ocorreu a primeira vinda  de açorianos para o Rio Grande de São Pedro, com sessenta casais com filhos, cerca de 300 pessoas ao todo, que constituíram assim o primeiro legado da herança açoriana.


Acordo binacional
No dia 3 de maio de 2013, em Lisboa, os governos dos Açores e do Rio Grande do Sul assinaram um Protocolo de Cooperação, a fim de firmar um compromisso para aproximação e intercâmbio através de ações comemorativas para aprofundar as suas relações em diversos domínios, entre os quais o cultural. Este protocolo foi assinado pelo Subsecretário Regional da Presidência para as Relações Externas, Rodrigo Oliveira, em representação do Presidente do Governo dos Açores, Vasco Cordeiro, pelo Governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, e pelo Secretário de Estado da Cultura do Rio Grande do Sul, Assis Brasil.

Em agosto desse ano, em Porto Alegre, foi ainda assinada uma ata que formalizou a constituição de uma comissão bilateral para promover a realização de um grande espetáculo, então provisoriamente intitulado de “Ópera Açoriana”, a ter lugar em 2014 no Rio Grande do Sul e nos Açores.

Assim, no passado dia 9 de Junho, Dia dos Açores, em frente ao Palácio Piratini, na cidade de Porto Alegre, o público gaúcho assistiu a um espetáculo que marcou as artes cênicas daquele estado, através da representação do espírito aventureiro dos Açorianos, sua relação dúbia com o mar e a sua chegada ao Rio Grande do Sul.
No dia 20 de Junho, “Os Descendentes da Atlântida – Ópera Açoriana” será apresentado em Ponta Delgada, marcando assim, pela primeira vez, a vinda aos Açores de um espetáculo do Rio Grande do Sul que conjuga teatro, dança e música em homenagem ao espírito aventureiro dos Açorianos.


Ficha Técnica:
Direção, roteiro e texto final: Marcelo Restori.
Revisão de texto: Luiz Antonio de Assis Brasil.
Atrizes: Carla Cassapo  e  Gabriela Chutz
Performers de rapel cênico: Juliana Coutinho (ex-integrante do Cirque du Soleil) e Olena Gradynar (circense ucraniana)
Bailarinas: Aline Karpinski, Camila Vergara, Carol Martins, Cris Eifler, Gisele chagas, Iandra Cattani, Ju Rutkowski, Mariana Konrad e Manu Albrecht.
Coreografias: Aline Karpinski.
Cenografia: Luiz Marasca.
Coreografia, preparação e montagem de rapel cênico: Jeremias Lopes.
Desenho de luz: Veridiana Matias.
Trilha sonora: Cláudio Bonder.
Figurinos: Daniel Lion.
Pesquisa açorina: Gabriela Silva.
Produção: Roze Paz e Suzana (SM-EVENTOS)

 
Entrada gratuita, sujeita ao levantamento de bilhete.
Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android