21:30 até às 23:00
Conversa sobre um projeto fotográfico_Lucília Monteiro

Conversa sobre um projeto fotográfico_Lucília Monteiro

"A Casa sou eu" 
de Lucília Monteiro

Logo na manhã da vida, dos primeiros riscos de uma mão hesitante, nasce uma casa. A identificação com a casa há-de acompanhar cada passo dado na longa estrada da existência.
A casa é o ninho aconchegante, o refúgio que transmite segurança, o lugar onde a família ganha novos elementos e onde os amigos são bem-vindos.
Mesmo que haja mudanças de sítio, ou que a casa se renove com obras, poeiras, cheiros de tintas novas, a ideia da casa mantém-se estável.
Afinal, cada tijolo, trave-mestra, esquina, degrau ou objeto guardado, são apenas elementos físicos. Porque a minha casa sou eu com as muitas vivências, que aguardam um lugar onde ganhar raízes como a erva que brota daquele rasgo na parede.
- Ivo Caldeira

Exposição vídeo patente no Museu de Lamego, integrada na segunda edição do Ciclo de Fotografia de Lamego e Vale do Varosa 2021.

Transmissão direta:
LIVE da página do facebook
ZOOM
Entrar na reunião Zoom
https://us06web.zoom.us/j/82224169783...
ID da reunião: 822 2416 9783
Senha de acesso: 426158

NOTA BIOGRÁFICA

Lucília Monteiro nasceu em 1966, na Madeira. Em 1988 ingressou no Curso Superior de Fotografia na ESAP iniciado em simultâneo a carreira de fotojornalista (1989). Em 2014 concluiu o mestrado em fotografia e cinema documental.
Ao longo da carreira fez reportagens em conceituados jornais e revistas portugueses (Expresso e Visão), em que se destacam as minorias étnicas na China (1998), guerra civil em Angola (2001), conflito político na Venezuela (2002) e reportagens na Guiné-Bissau, Moçambique, Cabo Verde, Brasil.
O fotojornalismo foi uma oportunidade para conhecer o mundo, aprender e ver realidades diferentes, para se documentar. A sua preferência vai para uma fotografia que suscite uma narrativa mais subjetiva, que leve à interrogação, que seja um conjunto de palavra-fotografia, relacionando o social, política, fé e culturas diferentes.
A partir de 2014 começou a trabalhar noutros projetos que sempre lhe interessaram, tendo levado a cabo iniciativas pessoais no âmbito da fotografia documental, arte e instalação, com fotografias e vídeo. Investigou sobre os ex-votos em Portugal trabalhando o ex-voto como representação do corpo em cera e o ex-voto fotográfico. Atualmente trabalha o tema “Mulheres da Guerra” vítimas da Guerra Colonial. Cria narrativas a partir do seu arquivo fotográfico de 35 anos, e relaciona com o presente. Os temas centrais das suas investigações são: corpo e lugar e seus mitos.
Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android