20:30
Uma História de Vida – Centenário da Amália

Uma História de Vida – Centenário da Amália



Espetáculo por Vox Angelis.

Músicos: Pedro Miguel Nunes (voz), Artur Caldeira (guitarra portuguesa e clássica) e Daniel Paredes (guitarra clássica e baixo).

Classificação etária: M/ 6 anos.
Duração: 105 minutos.

Bilheteira

- Na Ticketline (reservas e informações 24 horas: 1820) e nos locais habituais.
- No balcão de informações da Biblioteca Municipal do Seixal, de terça a sexta-feira, das 10 às 19 horas, e sábados, das 14.30 às 19 horas.
- Na bilheteira do Auditório Municipal, que abre 1.30 horas antes de qualquer espetáculo e encerra 15 minutos após o seu o início.

Sinopse

Atuação que assinala o centenário do nascimento de Amália Rodrigues, Uma História de Vida é um espetáculo multimédia de natureza histórico-musical que, além de revisitar alguns dos fados icónicos da fadista, apresenta igualmente uma retrospetiva histórica da sua vida com a apresentação de 200 fotografias inéditas.

Nascida a 23 de julho de 1920, batizada Amália da Piedade Rodrigues, imortalizada como Amália Rodrigues e carinhosamente conhecida pelo nome próprio, a Rainha do Fado é reconhecida como a voz que melhor expressou o sentir e o ser português. Inconformada e inovadora, Amália trouxe ao fado a poesia de Camões e de D. Dinis, mas também de poetas seus contemporâneos, como David Mourão Ferreira, Pedro Homem de Mello, José Carlos Ary dos Santos, Alexandre O'Neill e Manuel Alegre.

De uma beleza singular, que faz jus a uma das maiores embaixadoras da língua e cultura portuguesa desde sempre, este espetáculo inclui os temas famosos da fadista, como é o caso de «Com Que Voz», «Estranha Forma de Vida», «Gaivota», «Cuidei Que Tinha Morrido», «Lágrima», «Grito» e «Fado Amália».

Alternando a parte cantada e de temas instrumentais de Armandinho e de Raul Nery com a narração e projeção da vida de Amália, este espetáculo é uma oportunidade de conhecer melhor a fadista mundialmente famosa que tornou o fado apreciado a nível internacional e de, ao mesmo tempo, reconhecer: «Amália? Não sei quem é!».

Regras de utilização do Auditório Municipal de acordo com as normas da Direção-Geral da Saúde

É obrigatório o distanciamento físico de 2 metros no acesso ao auditório e às bilheteiras (a lotação da bilheteira é de 1 pessoa);
É obrigatório o uso de máscara no auditório e a higienização das mãos à entrada e à saída do mesmo;
A abertura de portas será feita 1 hora antes do espetáculo;
Recomenda-se a chegada antecipada para evitar maior ajuntamento de pessoas;
Os espetáculos têm início à hora marcada;
A lotação é limitada em função do cumprimento das orientações da Direção-Geral da Saúde para os recintos de espetáculos e espaços culturais;
Prevê-se a existência de lugares individuais e para coabitantes (2 lugares);
Não existem lugares previamente marcados;
A entrada no auditório e a indicação dos lugares serão acompanhadas por assistentes de sala. Os espetadores devem cumprir rigorosamente todas as instruções dos assistentes de sala e não poderão trocar de lugar ou deslocar-se sem motivo justificado;
Durante o espetáculo o público deve permanecer no seu lugar. No final, deverá aguardar a indicação dos assistentes para se levantar e sair do auditório;
Não será permitida a permanência de espetadores no interior do auditório após o final dos espetáculos;
Nas instalações sanitárias apenas serão permitidas duas pessoas em simultâneo.

Fonte: https://www.cm-seixal.pt/evento/uma-historia-de-vida-centenario-da-amalia
Os eventos publicados estão sujeitos a adiamento ou cancelamento devido ao surto de Coronavírus. Recomendamos que confirme toda a informação junto do promotor oficial deste evento. Por favor contacte-nos se detectar que existe alguma informação incorrecta.
Download App iOS
Viral Agenda App
Download App Android